SAIR DE BARCELOS COM 25 PONTOS CONQUISTADOS

Por em 28 de Janeiro de 2018

Com o Varzim Sport Club a precisar urgentemente de arrecadar três pontos, os poveiros jogam amanhã, pelas 16 horas, em Barcelos, defrontando o Gil Vicente Futebol Clube, em jogo da 22.ª jornada da LEDMAN LigaPro.

Não obstante as melhorias visíveis frente ao Leixões, ainda não foi desta que os alvinegros voltaram às vitórias, dado que empataram a uma bola (golo de Stanley) no “dérbi do mar”. O empate permitiu que deixassem a zona de descida, subindo ao 16.º posto, acumulando 22 pontos (5 vitórias, 7 empates e 9 derrotas, 20 golos marcados e 22 sofridos), em igualdade pontual com 17.º e o 18.º classificados, Gil Vicente e UD Oliveirense, respetivamente.

Ora como foi referido, a turma de Barcelos conquistou até ao momento 22 pontos e chega a esta partida com uma derrota na semana passada, por 2-0, frente ao Cova da Piedade. Desde o jogo da primeira volta, entretanto o Gil Vicente foi eliminado da Taça de Portugal Placard. O atual plantel é composto por 28 atletas, sendo que desde esse jogo recebeu oito reforços (um deles é o ex. varzinista, Gonçalo Abreu). Além do plantel, houve, igualmente, mudança no comando técnico, com a saída de Casquilha para a entrada de Paulo Alves.

Nos vinte confrontos realizados em Barcelos (nove na Segunda Divisão, oito na Segunda Liga, dois na Primeira Liga e um na Taça de Portugal), os gilistas venceram por oito vezes, ao passo que os “Lobos do Mar” ganharam por cinco ocasiões (três na Segunda Divisão e duas na Segunda Liga), tendo existido sete empates. A quantidade de golos marcados não é muito diferente (25 vs 22). De relembrar que na época passada, os “Galos de Barcelos” levaram a melhor (1-0), no dia 6 de agosto de 2016.

Para este embate foram convocados os seguintes dezoito jogadores:

Guarda-Redes: Paulo Vítor e Paulo Cunha.

Defesas: Jean Felipe, Mário Sérgio, Nelson Agra, Tiago Valente, Sandro e Rui Coentrão.

Médios: Fábio Fonseca, Nelsinho, Pintassilgo e Agim Zeka.

Avançados: Rúben Macedo, Ruan Teles, Diogo Ramos, Baba Seck, Malele e Stanley.

Em comparação com a partida perante o Leixões, a única mudança na lista de convocados é a saída do trinco, Luís Alberto. De fora continuam o guarda-redes Marinho, o defesa-central, Jeferson, o trinco, Estrela e o avançado, Buba.

Com o Varzim sem vencer desde o dia 3 de dezembro (1-0, contra o Real), a nossa equipa continua à procura do regresso aos triunfos e, assim, espera-se e deseja-se que amanhã, de uma vez por todas, os varzinistas consigam colocar para trás este pior momento e somem três pontos que, no máximo, garantem a subida à 14.ª posição. Relativamente ao onze escolhido por Nuno Capucho, este não deverá sofrer grandes alterações, sendo certa uma mexida, dada a saída dos convocados de Luís Alberto. Do lado do Gil Vicente, o objetivo é o mesmo, ou seja, esquecer este mau momento e conseguir somar três pontos, que também os pode levar ao 14.º lugar. O plantel gilista, não obstante os últimos resultados, é preenchido por uma equipa com qualidade e que se reforçou bem no mercado de inverno, prevendo-se, por isso, uma partida bem disputada.

Força Varzim, rumo à vitória!

Texto: Duarte Cruz.

Imagem: FJG Neves.